segunda-feira, 26 de abril de 2010

Sobre a volatilidade humana

Eram 65 quilos
Um corpo inteiro
Sólido e líquido
Que em performance
Transitava nos espaços
(no meu espaço)
E num átimo
Se esvai
Muda de estado
E se transfigura em ausência.

Um comentário:

Rafiki disse...

Não sei dizer se é natural ou ruim. Que seja vapor enquanto ausência, que se condense em hora propícia.